A ópera criativa de Myrella Bezerra

Experimentar o novo e se relacionar são alguns dos segredos de Myrella Bezerra, do Studio Ohperashop, para criar e ser feliz.

"A vida em si é uma oportunidade de inspiração", diz a designer gráfico recifense que ama doce de leite. Mas não foi por causa do doce que ela escolheu Buenos Aires para estudar. Myrella fez curso de 'Criatividade e Direção de Arte' na Brother Escuela de Creativos, mas se engana quem acha que lá foi o lugar onde ela mais aprendeu. As ruas, cafés e frutarias foram suas experiências mais ricas criativamente na cidade que ela chama de "Pinterest da vida real".

myrella

A descoberta do Design Gráfico foi através das vinhetas da MTV, mas as mensagens que transmite com sua arte e escrita (Myrella também assina o ótimo Ohpera Blog), vêm da vida, colorida por ela mesma ;)

Como foi o seu caminho até o design?

Sempre curti, desde criança, o contato com a arte. Nunca gostei de brincar de boneca, por exemplo. Sempre preferi brincar com texturas e trabalhos manuais. Então meu caminho até o design foi algo muito natural. Mas uma coisa que contribuiu muito foram as vinhetas da MTV. Eu achava aquilo incrível e sabia que queria trabalhar com design gráfico a partir dali.

A produção de conteúdo para o Ohperablog influenciou de alguma forma a criação do Studio Ohperashop?

Com certeza! O blog existe desde 2010, e desde então, eu já tinha esboçado um Ohpera Shop mais simples. Até por conta dos recursos digitais do momento, que eram bem menores. O bom é que agora existem ferramentas muito práticas que facilitam bastante o processo. E isso permite que o designer se preocupe mais com a criação e menos com a produção e entrega dos produtos, por exemplo. #ValeuColab55

Ainda sobre o blog, quais os seus segredos para se manter sempre atualizada?

Se manter atualizada, hoje em dia, é algo bem fácil e ao mesmo tempo bem difícil. É fácil, porque a gente tem uma infinidade de fontes pra se inspirar. Seja no Instagram, no Pinterest ou em qualquer outro site. Mas é muito difícil também, porque tem tanta informação disponível, que às vezes cansa um pouco filtrar o que você vai ver. Eu tento tirar pelo menos meia hora por dia (normalmente no almoço) pra ver revistas, sites e perfis de Instagram exclusivamente de design. Além disso, tento ficar bem atenta ao que se passa ao meu redor, o que é outra dificuldade, pois a gente vive conectado o tempo todo.

Alguma inspiração específica para criação do nome Ohpera? Qual o sentido dele pra você?

O nome vem do espetáculo de 'ópera' mesmo, pois é um gênero artístico que é apresentado em momentos / fases / processos. Assim como o processo criativo do design.

Você consegue classificar seu estilo artístico? Suas artes passam em geral uma mensagem positiva. Você acha que o design tem essa função?

Acho que a arte fala muito por si só. E se você pode dar uma função simbólica, além da funcional, para um produto, por que não? :) Espalhar coisas boas nunca é demais. Então, quando surge alguma mensagem muito positiva na minha mente, acaba transbordando pra algum trabalho.

Como foi sua experiência na Argentina e o que ela trouxe pra você de mais positivo (além dos muitos dulces de leche rsrs)?

Buenos Aires é um lugar muito inspirador, é uma cidade que transpira arte. Então não tinha como voltar igual. Foi um tempo que eu não me preocupei muito com rotina, apesar de estar estudando e trabalhando. E isso me deixou muito criativa. Sem contar que ir à uma frutaria ou num café, já era uma experiência maravilhosa.

Durante o tempo que passei lá, percebi fortemente a presença do design em tudo. Todos os negócios por onde andei eram muito bem cuidados. Desde a marca, até pequenos detalhes. Isso me inspirava muito. Era tipo um Pinterest da vida real.

Você acha que o lugar onde você vive influencia a sua criatividade?

Menos do que eu gostaria. Mas nada que uma dia de sol e mar não resolva. <3

Com base em sua vivência, que cursos você indicaria? E referências pra vida?

A vida em si já é uma oportunidade de inspiração. Um ser humano com o outro. Seja numa conversa, no jeito de se vestir, na maneira de viver. E é essa inspiração que me empolga todo dia. Sou apaixonada pelo ser humano, por conversar e conhecer gente nova. Por isso, sempre digo, que poucas coisas são tão inspiradoras quanto um tempo numa cidade nova, conhecendo gente que você jamais conheceria na sua rotina. Isso, não tem escola que ensine.

Mas se for pra citar um curso, super indico o curso 'Criatividade e Direção de Arte' da Brother Escuela de Creativos, que foi onde estudei em Buenos Aires. É BEM legal! Mudou minha forma de pensar comunicação.

Você se considera realizada criativamente?

Acho (e espero) que nunca fique satisfeita. Senão a gente acaba acomodando, né?

Pra você ser designer é...

Ser colorida 😎

Duas dicas para quem quer começar

Sonhe alto e acredite que você consegue! É clichê, mas é verdade

Duas cores para combinar

Azul piscina com beringela

Duas músicas para inspirar

Young Folks - Peter Bjorn And John
Sua cara - Anitta e Pabllo Vittar

Dois lugares para viajar

Manaus e New York

Dois sites para passear

Follow the colours
Hypeness

Dois livros para devorar

O Poder do hábito e Moda com propósito

Dois filmes para emocionar

Eita. Sou difícil de emocionar

Dois Studios da Colab55 para elogiar

@collagevallente
@dudielariz

Duas artes da Colab55 para admirar

Duas palavras para nortear

Foco e gratidão.

Studio na Colab55