Nina Millen fala sobre a magia da ilustração

Pense em um mundo mágico.

É nele que mora a imaginação e toda arte de Nina Millen, @ninamillen. Inspirada nas produções dos estúdios Disney, a artista se desafia a contar histórias através de seus desenhos para o público mais exigente que existe: o infantil.

Livro novo da Mariza Tavares, ilustrado por mim 😊#freshfromtheoven #ilustration #ilustração #livrosinfantis

Uma publicação compartilhada por Nina Millen (@nina_millen) em

Seja através dos livros ou das animações - duas de suas maiores paixões - Nina busca aprender cada vez mais sobre o desenvolvimento de personagens através de cursos, referências e... dos seus gatos!

Como o design entrou na sua vida?

Eu sempre amei desenhar, então tudo aconteceu através da ilustração. Desde pequena só me via fazendo isso. Como eu curtia bastante animação e a área editorial, na hora de escolher a faculdade acabei optando pelo Design.

O que estimula sua criatividade?

Gosto de trabalhar com tranquilidade. Fico agoniada com muita de bagunça, tanto física quanto sonora. Pra criar, eu sempre procuro muitas referências, dou uma pesquisada e desenho a partir disso. Me inspiro muito em coisas que eu vejo na vida real, na rua, em casa, em amigos ou nos meus gatos.

Que técnicas você mais gosta de usar?

Eu comecei a me apegar muito ao desenho digital de uns anos pra cá e ainda estou tentando explorar tudo o que dá pra fazer com técnicas diferentes. Gosto muito de pintar com aquarela, apesar de ainda ser iniciante. Desenhar no papel exige mais calma, mais paciência e flui de uma maneira diferente, que eu gosto muito.

O que te dá mais prazer em criar?

Sempre gostei muito de desenhar meninas, figuras femininas de alguma forma, temas de fantasia. Também gosto muito de desenhar animais, mas tenho fases.

Como você chegou ao design de personagens?

Desde muito cedo eu gostava da idéia de trabalhar com desenho de duas formas: livros infantis ou animação. Acabei indo trabalhar com livros, coisa que eu amo fazer.

Como também sempre me interessei pelo desenvolvimento de personagens em animações, resolvi aprender mais, tanto pra melhorar meus desenhos quanto como uma possibilidade para futuros trabalhos.

Acho que variar as formas pra tornar os personagens únicos e ao mesmo tempo coesos entre si é um grande desafio.

Acompanho muito o trabalho de artistas desse meio, adoro os artbooks de filmes e está sendo muito legal aprender mais.

Alguma dica de curso?

O curso de Design de Personagens do Stephen Silver, que fiz através do Schoolism, me ensinou muitas coisas interessantes. Minhas referências principais sempre foram os artistas da Disney. Amo o estilo que cada um traz pros desenhos que, ao mesmo tempo, são bem identificáveis como sendo do estúdio.

O que há de mais especial em contar uma história através da ilustração?

Adoro o fato de a ilustração criar um vinculo forte com as crianças, principalmente as muito pequenas ainda aprendendo a ler. Acho que os desenhos são uma segunda forma de contar a mesma história. O conteúdo e o sentimento é o mesmo, mas a visão que a ilustração proporciona é diferente, é complementar.

Você se considera satisfeita criativamente?

Ainda quero fazer muita coisa, aprender e evoluir muito. Ainda não acho que encontrei um estilo que me define e sou bem chata comigo mesma.

Duas dicas para quem quer começar

Praticar muito e não desanimar.
Não ter vergonha de mostrar seus trabalhos.

Duas cores para combinar

Turquesa e roxo com qualquer outra cor.

Duas músicas para inspirar

Escolher duas é difícil. Ouço de tudo quando estou desenhando, dependendo do humor do dia.

Dois lugares para viajar

Dos lugares em que estive, Londres e Barcelona acho incríveis. E quero muito ir pro Japão, um dia.

Dois sites para passear

Uso muito o Pinterest.Acho ótimo pra achar de tudo e organizar referências também.
O Skillshare tem vários tutoriais legais

Duas referências para registrar

Acho que tudo pode ser referência.

Duas coisas para não passar sem

Comida, Netflix e meus gatos.

Dois livros para devorar

Adoro livros de ficção, terror, fantasia. Gosto muito dos livros do Neil Gaiman, Poe, Arthur C. Clarke, Stephen King. E Harry Potter, qualquer um.

Dois filmes para emocionar

Eu não costumo me emocionar muito com filmes, mas achei gostei demais do Conto da princesa Kaguya e o Túmulo dos vagalumes. A animação é linda.
Também gostei muito de O quarto de Jack.

Dois Studios da Colab55 para elogiar

@mcallisterclara
@luabend
Duas artes da Colab55 para admirar
Libélulas
@mcallisterclara
Fall
@tobefonseca

Conheça o Studio

Studio na Colab55