Primeiros passos em rapport com Bia Rodrigues

O termo pode ser novidade, mas técnica você já viu por aí.

A palavra rapport vem do francês “rapporter”, que significa relação, segurança e compreensão. O conceito vem da psicologia e remete a criar uma ligação de empatia com outra pessoa, permitindo estabelecer uma relação harmônica.

No design de superfície e no processo têxtil, o conceito aparece traduzido
como a repetição de um módulo visual com encaixes perfeitos, desenvolvido para alcançar a padronagem desejada.

O rapport, praticamente falando, se dá quando colocamos múltiplos módulos lado a lado e eles se completam, formando uma só imagem. O módulo é a estampa de fato e o rapport é a repetição dessa estampa, que forma no tecido uma composição visual “infinita”.

O que é Rapport

Para que a repetição fique harmônica, é necessário que o rapport não tenha marcação – que a transição entre os módulos seja sutil e orgânica para que não se perceba a repetição.

“Rapportar” uma estampa pode parecer um desafio, mas é uma questão de prática. E dá pra começar a praticar com a vídeo-aula de Bia Rodrigues, em parceria com o Criativo Graphique.


Bia Rodrigues, do Studio @studioflamant, é autora de mais de 600 estampas para os setores nacionais e internacionais de moda feminina, beach wear e tecelagens. Teve a oportunidade de estampar grandes marcas como Scala, Cavalera, Carmim e Luigi Bertolli durante sua passagem pelo Estúdio Graphique.

A designer é também criadora do Studio Flamant, onde desenvolve estampas exclusivas com toda a energia e tropicalidade brasileiras.